ESPAÇO DE APOIO A INFORTUNADOS, MISERÁVEIS E DESGRAÇADOS EM GERAL
Quarta-feira, 26 de Março de 2008
Operação Purificação

Mesmo com os questionários aos recém-casados, o fisco vai continuar a deixar escapar quem mais foge à tributação nos casamentos: a igreja católica, que, ao abrigo da concordata assinada com a República portuguesa, beneficia de total isenção fiscal sobre rendimentos e bens. Não sei se o Papa tem número de contribuinte, para que os padres possam passar facturas do dinheiro que cobram aos noivos, nas cerimónias, mas os defensores da laicidade do Estado aguardam o dia em que o Vaticano possa aparecer na lista de devedores da DGCI.



publicado por João às 01:21
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



Correio
carpideiras@sapo.pt
Subscrever
arquivos

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


subscrever feeds